Alguns contrabandistas de drogas vão a extremos para garantir que sua carga ilegal evite a detecção e chegue ao destino pretendido.

Mas infiltrar drogas sob o nariz das autoridades pode ser um negócio arriscado, como descobriu um contrabandista colombiano de cocaína nesta semana.

O homem foi capturado no aeroporto Josep Tarradellas, em Barcelona, ​​com 0,5 kg de cocaína, estimado em cerca de 30 mil euros, segundo a polícia.

Os policiais não precisaram procurar muito pelo pacote, que estava aninhado sob sua peruca mal ajustada.

Suspeitos de traficantes de drogas no Brasil também não tiveram muita sorte nesta semana. Clientes insatisfeitos compraram caixas de sabão contendo cocaína em um supermercado em São Paulo.

Esses clientes avisaram a polícia, que mais tarde apreendeu cerca de 80 kg (176 lb) da droga da loja.

Detetives acreditam que caixas de sabão em pó recheadas com a droga foram colocadas nas prateleiras por engano.

Houve muitas outras táticas de contrabando de drogas ao longo dos anos que também não conseguiram enganar as autoridades.

imagem Polícia de São Paulo twittou uma foto da apreensão de cocaína apreendida no distrito de Ermelino Matarazzo | POLÍCIA DE SÃO PAULO NO TWITTER @PMESP

Espertinho

Um brasileiro fez uma tentativa estranha de contrabandear drogas para Portugal em 2018 e foi preso no aeroporto internacional de Lisboa, acusado de transportar 1 kg de cocaína dentro de um par de nádegas falsas.

Polícia disse que o homem carregava 1 kg de cocaína | POLICIA JUDICIÁRIA

Anel de Abacaxi de Cocaína

A Península Ibérica é um importante ponto de entrada da cocaína na Europa.

Mas as operações de contrabando de drogas são regularmente interrompidas. Em 2018, a polícia em Portugal e na Espanha apreendeu 745 kg de cocaína escondida dentro de abacaxis frescos.

As drogas foram transportadas da América do Sul.

Dado o seu piedoso compromisso com a religião, as freiras não são tipicamente associadas ao contrabando de drogas.

Assim, em 2013, três mulheres da Colômbia tentaram tirar vantagem da reputação limpa das freiras.

As mulheres, disfarçadas de freiras, foram presas com 2 kg de cocaína, cada uma presa em seus corpos em um aeroporto colombiano.

As freiras falsas foram revistadas depois que a polícia as viu agindo de forma suspeita.

Em 2018, um grande navio porta-contêineres transportando carne do Brasil deveria atracar no porto de Oran, na Argélia.

Durante três dias o capitão do navio recusou-se a fazer o porto, despertando a suspeita das autoridades argelinas.

da imagem Autoridades da Argélia publicaram mais tarde fotos das drogas apreendidas | IMAGEM MINISTÉRIO DA DEFESA DA ARGÉLIA

De acordo com uma denúncia, a guarda costeira argelina forçou o barco – a Vega Mercury registrada na Libéria – para o porto.

A bordo, as autoridades encontraram mais de 700 kg de cocaína em caixas marcadas com “carne halal”.

Em 2010, a polícia colombiana encontrou 16 kg de cocaína dentro de réplicas de três esculturas do artista Fernando Botero.

A cocaína, que estava sendo enviada para a Espanha, havia sido misturada ao barro das esculturas enquanto elas eram lançadas, disse a polícia.

Um comunicado da polícia descreveu a tentativa de contrabando como um “sofisticado sistema de ocultação”.

Fonte: BBC